/ News
Última atualização do site há 3 anos atrás, clique aqui para ter acesso a todas as publicações
RETROSPECTIVA 2014
31.12.2014

O ano de 2014 foi marcado por Megan Fox alcançar seu auge na fama novamente, ela interpretou April O’Neil em um dos filmes mais esperados do ano, promoveu Teenage Mutant Ninja Turtles (As Tartarugas Ninja) em diversos lugares e foi uma das grandes estrelas da revista Cosmopolitan. Megan concedeu muitas entrevistas, participou de programas televisivos famosos, falou sobre assuntos profissionais e pessoais abertamente, mostrou seu lado maduro e maternal, deu a luz ao segundo filho e arrasou com uma verdadeira diva nos tapetes vermelho.

Confira abaixo o resumão que o Portal Megan Fox preparou:


CANDIDS

Megan Fox é uma pessoa bastante caseira, mas na maioria das vezes quando resolvia sair de casa a atriz era vista ao lado do marido, o ator Brian Austin Green, e raramente com os filhos, Noah e Bodhi.
Megan foi muito vista visitando restaurantes e embarcando e desembarcando nos aeroportos como JFK e LAX.
Ao sair nas ruas optava por andar com os cabelos soltos e com expressões sérias ao ver os paparazzi. Na maioria das vezes usava chapéus retrôs e óculos escuros principalmente para se proteger do sol.
Relembre clicando nas miniaturas:


(12 de Janeiro – Saindo para jantar com Brian, em Los Angeles)
 


(18 de Janeiro – Jantando com Brian e Noah, em Los Angeles)
 


(2 de Fevereiro – Saindo de casa com Brian e Noah em Los Feliz)
 


(14 de Março – Brian e Noah levando bebidas para a Megan no carro)
 


(21 de Março – Com Noah saindo do Centro Médico Estético em Larchmont Village, Los Angeles)
 


(27 de Abril – Com Brian a caminho de um restaurante, em Los Angeles)
 


(1 de Julho – Saindo da casa da sogra em Sherman Oaks, Califórnia)
 


(4 de Agosto – Com a família embarcando no aeroporto LAX)
 


(4 de Agosto – Desembarcando no aeroporto LAX em Los Angeles)
 


(19 de Agosto – Passeando com o marido e filhos em Los Angeles)
 


(24 de Agosto – Embarcando com a família no aeroporto LAX)
 


(24 de Agosto – Desembarcando na Coreia do Sul)
 


(4 de Setembro – No aeroporto LAX a caminho de Sydney)
 


(5 de Setembro – Desembarcando no aeroporto de Sydney)
 


(8 de Setembro – Chegando no aeroporto de Sydney, Austrália)
 


(9 de Setembro – Desembarcando no aeroporto LAX, em Los Angeles)
 


(26 de Setembro – Saindo de um salão de festas em Studio City)
 


(27 de Setembro – Visitando a Walt Disney World com a família)
 


(1 de Outubro – Saindo do salão de cabeleireiro)
 


(9 de Outubro – Passeando com Brian e Noah)
 


(10 de Outubro – Deixando um restaurante com Brian e Bodhi)
 


(25 de Outubro – Com a irmã e sobrinhos em Pequim)
 


(14 de Novembro – Chegando para almoçar no Le Pain Quotidien)
 


(26 de Novembro – Fazendo compras para o Dia de Ação de Graças)
 


(4 de Dezembro – Saindo do shopping Beverly Glenn Mall)
 


(14 de Dezembro – Andando pelas ruas de Sherman Oaks)
 


(15 de Dezembro – Passeando com Brian e Noah por Bel Air)
 


(22 de Dezembro – Almoço no Sweet Butter Café em Sherman Oaks)

FILMAGENS

No inicio do ano foi anunciado que o elenco do filme Teenage Mutant Ninja Turtles (As Tartarugas Ninja) retornaria as refilmagens, mas Megan ainda estava grávida e a estreia do filme foi mais uma vez adiada.
No primeiro dia do mês de Abril a atriz retornou ao set um pouco acima do peso, mas com muita disposição, devido a amamentação ela não voltou a tingir suas madeixas em tom ruivo e então usou uma peruca que caiu super bem para dar vida a personagem April O’Neil. As cenas foram filmadas em Los Angeles, ao contrário de 2013 em que as gravações foram realizadas em Nova York. Veja as fotos e relembre nossas matérias clicando nas miniaturas:


(1 de Abril – Chegando no set em Los Angeles)
 


(1 de Abril – Primeiro dia de gravações do ano)
 


(2 de Abril – Chegando no set em Los Angeles)
 


(2 de Abril – Segundo dia de gravações do ano)
 


(8 de Abril – Deixando o set de filmagens acompanhada do marido)
 

A atriz estava a procura de filmes que fossem gravados perto de sua casa e que as gravações fossem realizadas em poucos dias, e foi isso que ela conseguiu ao aceitar fazer parte do elenco de Zeroville, dirigido por James Franco.
O romance de humor negro, ambientado em 1969 gira em torno da vida de Ike “Vikar” Jerome e até o momento o papel de Megan não foi divulgado, mas acreditasse que ela interpretará Soledad Paladin, uma mulher fatal e a grande paixão de Vikar.
O diretor e também ator postou imagens dos bastidores com a legenda “Megan Fox é a melhor!” repetindo a frase duas vezes.


(Fotos dos bastidores postadas nas Redes Sociais)
 


(Fotos dos bastidores)
 


(10 de Novembro – No set de filmagens em Los Angeles)
 


(12 de Novembro – No set de filmagens no centro de Los Angeles)
 


(13 de Novembro – No set de filmagens)
 


(15 de Novembro – No set de filmagens)
 

A história de Zeroville é situada em 1969, período em que os grandes estúdios perderam poder para uma geração de talentosos diretores em ascensão, como Francis Ford Coppola, Martin Scorsese e Robert Altman. É neste cenário que vive Ike “Vikar” Jerome, um estudante de 24 anos que chega a Hollywood disposto a vencer na indústria do cinema. Com as estrelas Montgomery Clift e Elizabeth Taylor tatuadas na cabeça, em cena estrelada pelo casal em Um Lugar ao Sol, Vikar passa a trabalhar como editor e, aos poucos, conhece os bastidores de Hollywood.

ENTREVISTAS

Megan Fox concedeu muitas entrevistas este ano, falou sobre beleza, gostos, família, dietas e principalmente deu entrevistas para falar sobre seu mais novo filme, As Tartarugas Ninja. Confira os trechos de cada matéria postada em nosso site e clique no link em cor amarelada para reler a entrevista completa:

Porque o instinto é a sua arma de estilo:

“Quando eu era jovem eu seguia os meus instintos a cada momento a cada dia. Mas agora eu estou maior e tenho filhos, então tento usar sempre a cabeça e não meu coração, e tento ser mais consciente de minhas decisões, mas a verdade é que ao longo da minha vida eu era muito impulsiva e eu agi instintivamente.”

Detalhes sobre alguns eventos em que ela compareceu:

“A minha cunhada me comparou com um sacrifício humano. Mas me respondam, que mulher não gosta de uma coroa de flores? Acho feminino e divertido.”

Dicas de beleza a partir de seus hábitos diários:

“Quando se trata de manter a forma, é difícil encontrar tempo por trabalhar todos os dias, mas eu tento ver o meu treinador duas vezes por semana. Se eu não posso, eu dou uma volta, e eu tenho uma casa de três andares, assim, seja como for, eu corro subindo e descendo as escadas.”

Divulgando um pouco mais a fragrância Avon Instinct:

“Meus cheiros favoritos são de Baunilha e Sândalo. Eu gosto de fragrâncias quentes, e há uma nota de sândalo no perfume Instinct que me identifico.”

Sobre a amizade com Michael Bay:

“Ele foi uma das pessoas mais lindas que eu lidei enquanto gravava este filme. Eu sempre amei Michael. Nós tivemos as nossas brigas no passado, quando eu era muito franca em entrevistas. Sobre as dificuldade que nós tivemos, sempre dizia que tinha uma afinidade especial por ele. Ele pode ser muito vulnerável, mas também é muito simpático e amável. Eu sempre falei sobre isso também. Mas, às vezes, nós batíamos de frente porque nós dois temos personalidades muito fortes.”

Revelando novas curiosidades:

“Meu corpo esta longe de ser perfeito, um monte de lugares que eu não gosto. Mas eu não vou dizer quais são.”

Desenvolveu sentimentos fortes por uma das Tartarugas em particular:

“Minha primeira paixão, e todo mundo acha que isso é realmente estranho, mas as meninas têm paixões por personagens animados, foi por Michelangelo. Então, eu estou super animada.”

Duas razões por estrelar em As Tartarugas Ninja:

“Eu queria fazer esse filme porque eu era uma fã quando criança, obviamente, mas também eu queria fazê-lo, porque eu acho que no futuro meus filhos irão dizer: ‘Minha mãe é April O’Neil!’”

As Tartarugas Ninja marcou sua infância:

“Eu acho que eu tinha 4 ou 5 anos na primeira vez que eu vi com a minha irmã, Kristi, e durante a minha vida toda eu me apaixonei pela franquia. Já adulta eu continuo gostando. Eu fiz meu marido, Brian, assistir a todos os filmes. Este é o primeiro filme que eu já fiz, onde eu estava realmente muito animada, quando eu consegui o papel… Eu pulei, gritei, dancei.”

Dica de confiança para as mulheres:

“Você tem que confiar em si mesma. Ter a ideia de ser muito intuitiva e ouvir a sua própria consciência e eu sou uma espécie de hippie espiritual porque eu não quero ser desanimadora, mas, você tem que ouvir o seu “eu superior” e ter confiança em si mesma e você saberá o que é certo. Esteja preparada para talvez perder amigos ou perder relacionamentos. Esteja preparada para talvez fazer algumas pessoas se chatearem e isso é bom, desde que você esteja perseguindo o que você realmente acredita que é certo, correto e verdadeiro.”

A dor de dividir o trabalho com a maternidade:

“Noah tinha seis meses quando eu saí para filmar As Tartarugas Ninja. Brian estava tomando conta dele, enquanto eu estava trabalhando, mas quando você está no set por 16 horas você não quer ficar com um bebê em um trailer por 16 horas. Você quer que ele se divirta com outras atividades como música e ginástica. Você acaba perdendo bons momentos com seu filho. Infelizmente é muito difícil e isso parte o coração.”

O que ela nunca disse à ninguém:

“Hollywood ainda é controlada por homens de meia idade que são intimidados por mulheres com atitude. Eu lembro que brigava para fazer coisas que o Shia (Labeouf) fazia no filme Transformers, mas então os homens envolvidos no processo do filme diziam que ia ficar muito “arrogante”. Ou se a minha interação com meu colega de elenco de As Tartarugas Ninja, Will Arnett, fossem diretas demais, eu ouviria “Por que seu personagem está sendo mau com ele?”

Meios de comunicação social:

“Eu fiquei no Twitter por cinco dias e odiei. Eu estava tão sobrecarregada pela negatividade que eu queria mais do que tudo tomar um banho.”

Sobre os perigos do mundo virtual:

“Muitas coisas estão acontecendo nas redes sociais com adolescentes e crianças. Há tanto ódio e ressentimento para todos os lados, não só contra celebridades. Eu sinto que os jovens são apáticos e se eu pudesse influenciá-los, de alguma forma, eu gostaria de mostrar um pouco de espiritualidade. Eu sei que soa ridículo vindo de mim, mas eu gostaria de ajuda-los a entender a moralidade das coisas de uma forma pragmática e não chata. Quando pensamos em religião ou espiritualidade normalmente associamos com algo restritivo e não é. Eu gostaria de ser vista como algo que leva a incrível bondade e amor. Ser alguém espiritual pode abrir portas. À medida que continuarmos alimentando ódio, ressentimento, palavrões e fofocas continuaremos prejudicando os outros tanto quanto nós mesmos.”

Obstáculos para gravar As Tartarugas Ninja:

“A pressão que uma atriz sente para voltar à seu peso ideial é extraordinário… isso ameaça tirar de você o tempo que tem para ficar com seus filhos.”

O outro aspecto de Hollywood:

“O outro aspecto é em Hollywood, você não quer mostrar fraqueza como uma mulher, porque é uma indústria tão misógina. Você não pode se queixar de dores. Você tem que agir como se você fosse um super-herói, a fim de ser levada a sério ou de ter um pouco mais de igualdade como os homens. Você é uma mulher e tem problemas femininos, mas isso para eles basicamente é como, ‘Oh, você é um perigo para nós”. Então você só tem que fingir que é muito mais forte do que na verdade você é”.

Enviando toneladas de e-mails para entrar no elenco de TMNT:

“Eu só realmente me tornei uma fã [dos filmes]. Então, eles foram falando em refazer este novo filme por um longo tempo e, finalmente aconteceu, e então eu eu comecei a participar de umas reuniões. Eu enviei toneladas de e-mails, basicamente, implorando para estar no filme como um tipo de jornalista muito ambiciosa, e eu sabia que eles não tinham pensado necessariamente em mim para o papel, então eu tive que lutar. E assim eu mandei apenas um monte de e-mails dizendo “por favor, por favor, deixe-me fazer isso, você não vai encontrar alguém que é uma grande fã então me dê a chance por base nisso.” E assim, sim, eu era um fã.”

Conselho para as meninas que podem ter uma baixa auto-estima?

“É difícil quando você é jovem. Você vai passar por isso. Você também está lidando com hormônios. E isso é uma grande batalha. Eu sei que só depois do pós-parto você se transformará em um ser humano diferente, por um momento, e não há nada que pode ser feito sobre isso. Parte do crescimento é lidar com isso e você vai sofrer com alguns problemas de baixa auto-estima. Mas, é difícil incentivar um adolescente de estar em contato com o seu eu superior, porque eles não entendem o que isso significa. Mas, se você tem uma voz dentro de si mesmo, como você entende o que é certo e o que é errado. Tudo o que posso dizer é: ‘Não tenha medo de seguir o que é certo!’ E, procure entender que nem todo mundo vai gostar de você o tempo todo!”

Sobre as amizades

“Eu sempre fui uma pessoa rejeitada e solitária. Eu não sou uma borboleta sociável. Não tenho muitos amigos. Eu com certeza não tenho amigos da escola primária ou do ensino médio. Sempre me senti uma pessoa estranha em grupos. Então, você sabe, se eu pudesse, colocaria uma camiseta e andaria de pé no chão, porque eu sinto que este (Comic-Con) é o lugar perfeito para vir, especialmente para pessoas geek que sentem que se encaixam aqui.”

Sobre o que os fãs das HQs de As Tartarugas Ninja pensam sobre o filme:

“Há sempre alguém que não estará contente com alguma coisa. Quando você assiste na tela uma história como essa, existem coisas que você deve rever em comparação com a história original. As pessoas vão se decepcionar, mas eu acho que eles vão se surpreender ao ver como o filme é fiel à história original e como emocionante, surpreendente e real. Mas é impossível agradar a todos o tempo todo.”

Sobre April O’Neil , uma jornalista que, do nada, encontra-se nas novas aventuras das Tartarugas

“Você acha que é uma daquelas entrevistadoras que fazem anotações fúteis em um tapete vermelho; mas seu trabalho deve ser levado muito mais a sério. Ela é infeliz, e espera encontrar uma história real para ser reconhecida.
Quando ela se encontra com as Tartarugas Ninja, ela fica bastante envolvida, e chega ao ponto onde se pergunta se deve contar a história e virar uma heroína como jornalista, ou proteger e ser fiel à nova família.”

Sobre a forma como a maternidade mudou ela:

“A partir do momento em que eu dei à luz e quando eu estava no hospital com ele, mesmo quando ele ia dormir, eu pouco dormia. Eu acordava a cada 10 minutos e olhava para ele só para ter certeza de que ele ainda estava respirando. Eu acho que foi a primeira vez que eu percebi que eu amava tanto alguém e que eu nunca mais seria eu mesma novamente. Eu estarei sempre preocupada com ele e esperando que ele esteja bem, seguro e feliz”.

Se sua beleza dificultou ou impulsionou sua carreira:

“Eu não diria que dificulta um pouco pensar que o que eu faço como atriz significa que estou sempre aberta à críticas. Não me refiro que a opinião das pessoas seja errada, não é isso; você tem o direito de julgar o meu desempenho como você quiser. Então, eu não fico muito chateada se alguém achar que eu fiz algo de errado, ou se você achar o que eu fiz foi errado.”

Sobre nunca acompanhar uma novela:

“Eu nunca assisti uma novela. Tudo o que sei é que, quando eu vejo os anúncios em Los Angeles sempre contam a mesma história… as novelas são muito dramáticas para mim. Eu provavelmente continuarei a assistir e fazer filmes de ação, porque eu amo.”

Sobre filmes de ação:

“Eu gosto de filmes de ação e vou estar sempre disposta a trabalhar nesse tipo de gênero, mas devo confessar que eu queria ser a heroína de um filme, porque eu quero que meus filhos pensem que eu sou fabulosa. É difícil dizer… Mas eu admiro alguém que está fazendo algo especial como Jennifer Lawrence, que trabalha em um filme de ação em uma franquia (Jogos Vorazes), mas também faz filmes independentes que lhe permitiram ganhar um Oscar, isso é algo que eu realmente admiro.”

Quando começou a gostar das Tartarugas Ninja:

“Eu era muito pequena, tinha uns 4 ou 5 anos. Minha irmã mais velha era adolescente na época e foi ela que me apresentou esse filme. E eu queria ser como ela, então eu o assisti. Eu amava, fazia me sentir bem, foi uma experiência divertida. Mesmo agora eu ainda vejo aqueles filmes antigos, eu os amo.”

Medo de aviões e como ela consegue vencer esta fobia:

“Eu ainda tenho medo de aviões, mas nada tão extremo, eu consigo dominar o medo, afinal de contas, como atriz eu passo viajando e já falei que eu escutava músicas de Britney Spears para me divertir, então eu continuo colocando a músicas dela, mas eu gostaria de não pensar sobre isso.”

Se ela pensa em se “aposentar”:

“Eu penso em aposentadoria, mas por causa dos meus filhos, eu pararia. Essas almas me escolheram para serem sua mãe, porque eu sou um espírito muito independente e é muito importante manter a minha carreira. Isso é muito importante em meu crescimento como pessoa, e eu quero ser quem eu estou destinada a ser. Já não faço as coisas por forma egoísta, já não faço algo por mim mesmo, eu estou o tempo todo cuidando deles, entretendo-os no dia a dia, a vida muda quando você tem filhos. Mas isso me fez fazer tantas coisas e eu amo pensar assim.”

Se não fosse atriz:

“Se eu pudesse eu seria arqueóloga. Porque eu sou apaixonada e eu estou verdadeiramente interessada nisso, porque para mim, este é o lugar onde todos os segredos das origens da humanidade estão. Eles estão sob a terra, estão no oceano, em todos esses lugares há muitas respostas.”

Experiência que teve que enfrentar ao filmar As Tartarugas Ninja:

“Eu tive grandes experiências nas filmagens deste filme, eu gosto de filmes de ação e filma-lo foi divertido… é sempre difícil fazer filmes de ação, porque exige muito de você, mas eu amei, e os caras que interpretaram o papel das tartarugas foram incríveis, eu tive um grande relacionamento com o diretor e os produtores, eles foram surpreendentes, foi uma grande experiência para mim, mesmo porque eu me mudei para Nova York e foi interessante, eu me mudei com o meu bebê e toda a minha família, era divertido, foi uma aventura.”

Sua inteligência vs. seu tipo físico:

“O que acontece é que as pessoas nunca realmente querem conhecê-la como atriz e ainda há esses estereótipos ridículos que atingiu nós atrizes e isso faz com que as pessoas pensem que somos estúpidas. Você tem que provar para as pessoas que você não é isso que elas pensam, provar às pessoas que você é uma pessoa inteligente, que você é isso ou aquilo, por isso eu me identifico muito com as batalhas que April O’Neil terá de enfrentar constantemente para provar alguma coisa”.

Brincadeiras que foram levadas para o mal caminho:

“Eu fiz uma brincadeira, algo como eu “me sinto como um homem”. Por alguma razão, as pessoas pensaram que eu estava falando sério, por isso foi levado a sério! Eu não entendo porque as pessoas não têm o bom senso e não podem identificar sarcasmo ou, você sabe, uma espécie de humor auto depreciativo. Mas as pessoas não esperam isto vindo de mim, por algum motivo. Houve tantas histórias ridículas, picantes sobre mim no passado. Elas todas eram estúpidas.”

Sobre os filmes que lucraram com seu sex appeal:

“Eu não me importo de fazer essas coisas, eu acho que tem sido uma parte de ser atriz em Hollywood desde o começo. Eu não me sinto envergonhada ou como eu não posso ser levado a sério, enquanto estou vestindo um top também. Se você não me leva a sério quando eu estou vestindo uma regata, essa p*rra de problema é seu.”

Sobre não ser levada a sério como atriz:

“Talvez seja mais um problema meu do que dos outros, eu não posso ser levada pela opinião dos outros. Quer dizer, todo mundo tem o direito de pensar e dizer o que quiser. Entendo que cabe a mim tentar não ser como os outros acreditam.”

Sobre a imagem de ser a menina má:

“Muitas pessoas pensam que eu sou louca ou que eu sou burra, mas eu não sou, sou muito focada. E ainda fico confusa sobre o porque eles acham isso. Tenho dois filhos, tenho estado com o mesmo homem por dez anos, nunca ando de festa em festa e nunca estou envolvida em escândalos. Sou uma pessoa muito saudável e feliz.”

Descrevendo-se como o oposto de ambiciosa:

“A vida é muito curta para eu não me divertir no trabalho. Não estou em busca do Oscar. É algo que não estou desejando. Eu gosto de fazer filmes porque é algo que me divirto promovendo eles e assistindo. Eu amo isso e gostaria de continuar fazendo coisas assim.”

O estado de “Fathom”:

“Isso é uma propriedade que eu tenho em minhas mãos, graças a Deus, porque eu era uma fã dos quadrinhos e eu amo Michael Turner, abençoado seja. Ele morreu, mas eu não sei. Eu estava brincando no outro dia porque eu esqueci quantos anos ela tem, mas ela tem 20 e poucos anos e eu estou de passagem, que logo assim que temos que saltar rapidamente do cavalo e resolver se vamos fazê-lo. Logisticamente é apenas difícil, a menos que James Cameron vá dirigi-lo. Eu não sei como vamos fazer esse contato.”

Por que ela acha que as Tartarugas Ninja são tão amadas no mundo inteiro:

“Minha teoria é que cada uma delas é baseada em nossos temperamentos e, dessa forma, nós podemos nos identificar com uma delas. Não sei se essa fórmula foi intencional ou sem querer, mas é perfeita para atrair o público. Claro que o Michelangelo é com quem eu mais me identifico, embora o Leonardo possa ser ligeiramente melancólico e eu também tenha um pouquinho disso na minha personalidade. Mas ele representa aquela parte de mim que eu não quero analisar, enquanto Mikey está em primeiro plano.”

O momento mais difícil na gravação de As Tartarugas Ninja:

“Pra mim o mais difícil foi ter que aguentar o calor. Nós gravamos num calor de Nova York que nunca existiu em vinte anos. Era um verão muito quente. Eu ficava de jaqueta de couro, botas de couro… Então tinha medo de desmaiar do nada. Então entre as cenas as pessoas tiravam a minha roupa e colocavam sacos de gelo no meu corpo, nem que fosse por 10, 20 segundos. Aí a gravação continuava, eu me vestia correndo, dizia “RAFAEL! NÃO!”, e aí gritavam ‘corta’ e nós colocávamos o gelo de volta.”

Sobre vidas passadas:

“Eu acredito em reencarnação. Minha alma não está aqui pela primeira vez e há uma razão pela qual eu tive que voltar. Acredito que eu já fui muito famosa em uma vida anterior, mas eu não podia lidar com isso.”

Ela se identifica com a personagem April O’Neil:

“Eu acho que eu me identifico com April, ela não tem medo do que ela acredita, mesmo que as pessoas estão dizendo que ela é louca. Mesmo que as pessoas estão dizendo a ela que ela está errada, ela ainda persegue o que ela acha que é correto. Eu tenho um pouco desse mesmo espírito, também.”

Ela se tornou visivelmente menos franca nos últimos 5 anos. Isso foi o resultado das consequências?:

“Infelizmente para mim, não posso fazer piadas. Não posso ser do jeito, digamos, igual ao meu companheiro de elenco Will Arnett é em uma entrevista, porque tudo que eu digo é impresso como literal. Parece haver essa necessidade de me retratar tanto como louca ou uma v**a tensa. Não há lugar apenas pra eu relaxar e ser eu mesma, ou fazer piada, porque é sempre colocado fora de contexto.”

Sobre o que mudou agora que ela é mãe:

“Ter filhos me mudou completamente. Eu sinto que eu estou vivendo em um corpo totalmente diferente, mas de alguma forma eu me sinto muito mais saudável agora. Eu acho que eu tenho super força. Estou muito feliz por ter os meus dois filhos. Emocionalmente, me ajudou a organizar minhas prioridades. Meus filhos são a única coisa que eu penso na grande parte do tempo. Ser mãe me ensinou a ser completamente altruísta. Me fez reconsiderar minha carreira, porque eu quero passar o máximo de tempo possível em casa.”

Como ela gostaria de influenciar os fãs:

“Com tudo o que está acontecendo nas redes sociais, com crianças e adolescentes, percebo que há tanto ódio e ressentimento em todos os lados, não só contra os famosos, e isso não esta nada certo.
Eu sinto que a juventude está mostrando expressa apatia, e se eu pudesse influenciá-los de alguma forma, eu ensinaria alguma coisa sobre espiritualidade. Eu sei que soa ridículo vindo de mim, mas eu gostaria de ajudar para entender a moralidade das coisas de uma forma pragmática e não chata. Quando pensamos sobre a religião ou espiritualidade relacionamos normalmente a algo um pouco restritivo, quando na verdade não é. Se nos tornarmos alguém espiritual podemos abrir muitas portas.”

Sobre as criticas:

“Eu não dou muita importância a opinião de outras pessoas quando se trata de meu desempenho na frente da câmera. Isso é apenas o meu trabalho. Eu nunca penso: Para este filme, eu merecia um prêmio. Isso tudo é totalmente subjetivo. Todos deveriam formar a sua própria opinião.”

A carreira e a fama em Hollywood não é a prioridade dela:

“À medida que envelheço, e especialmente quando você tem filhos, você finalmente consegue ver, não só como Hollywood é sem importância, mas em geral, quão grande é a vida e como podemos estar interligados com tudo que somos e dar importância a espiritualidade e a humanidade. Estas são as coisas que você pensa ao contrário da bilheteria ou campanhas publicitárias, então eu acho que é um erro para qualquer um fazer Hollywood uma prioridade porque não é uma coisa estável e verdadeira.”

Ela adoraria participar dos trabalhos das Nações Unidas:

“Eu acho que é definitivamente um caminho que é provavelmente necessário para mim em algum momento porque agora estamos lidando com coisas que realmente importam. Estamos de alguma forma tentando afetar alterações globais e eu acho que todos nós deveríamos estar fazendo algo, somando mudanças positivas na sociedade e na humanidade. Pretendo me qualificar para fazer algo exatamente assim. Espero um dia me tornar filantrópica.”

Sobre ela ser a única mulher da família:

“Eu sou a abelha rainha, a matriarca, a princesa. Comecei uma família, que mais tarde vai cuidar de mim e sempre me proteger. Em casa eu me sinto segura. Eu fico em casa, sem ninguém para dividir os holofotes. Uma filha teria mudado tudo, porque toda a atenção seria voltada para ela, mas eu gostaria de ter mais filhos.”

Sobre a adolescência complicada:

“Eu estava sempre com problemas, porque o meu padrasto tentava me controlar, então eu não tive uma experiência normal na infância. Se eu tivesse sido um garoto, seria mais fácil lidar com meus pais, teriam me dado mais liberdade para descobrir quem eu era, mas não deixaram, então eu tive que lutar o tempo todo. É assim que as pessoas ainda me vêem como rebelde e selvagem. Mas é porque eu estou constantemente tendo lutar contra alguém que tenta me controlar, eu me coloco em uma caixa.”

Como ela mantém, em geral, parte da sua fé:

“Eu acredito em tudo o que outros acham estranho! Aliens? Acredito que existem! Se toda a raça humana surgiu do espaço? Absolutamente possível! E se alguém começa a discutir comigo, então eu só faço a seguinte pergunta: De onde surgiram as pirâmides perfeitamente construídas no Egito? Naquela época as pessoas não podiam construir algo parecido. Há tantas perguntas sem resposta e estou aberta a todas as opiniões.”

O que ela procura escolher nos projetos do cinema:

“Eu tenho que fazer um filme por ano, porque eu tenho que investir no futuro das crianças, e eu tenho que ser capaz de pagar a educação dos meus filhos até a faculdade. Estou a procura de filmes de ação em Los Angeles e projetos que eu possa filmar de 10 á 20 dias. Tenho que passar muito tempo com os meus filhos, o quanto for possível.”

EVENTOS E AFINS

Megan Fox marcou presença em vários eventos, na grande maioria para promover As Tartarugas Ninja ao redor do mundo.
A atriz esteve presente na estreia do Kids Choice Sports, sendo o primeiro evento e premiação em que ela compareceu no ano de 2014. Megan foi a maior presença feminina em todas as aparições, sempre elegante, sorridente, simples e atenciosa com os fãs.
Relembre nossas matérias detalhadas clicando nas miniaturas:


(17 de Julho – No Kids Choice Sports)
 


(24 de Julho – Comic-Con International)
 


(29 de Julho – Pré-Estreia de As Tartarugas Ninja no México)
 


(30 de Julho – Sessão de autógrafos no México)
 


(1 de Agosto – Conferência de Imprensa de As Tartarugas Ninja)
 


(3 de Agosto – Pré-estreia de As Tartarugas Ninja em Los Angeles)
 


(5 de Agosto – Na Rádio SiriusXM)
 


(5 de Agosto – No talk show The View)
 


(5 de Agosto – Q&A As Tartarugas Ninja)
 


(6 de Agosto – The Tonight Show com Jimmy Fallon)
 


(6 de Agosto – Pré-estréia de As Tartarugas Ninja em Nova York)
 


(7 de Agosto – The Tonight Show com Conan O’Brien)
 


(11 de Agosto – No talk show Chelsea Lately)
 


(26 de Agosto – Estréia de As Tartarugas Ninja na Coréia do Sul)
 


(27 de Agosto – Em partida de beisebol na Coréia do Sul)
 


(27 de Agosto – Conferência de Imprensa de As Tartarugas Ninja)
 


(7 de Setembro – No NRL Footy Show)
 


(7 de Setembro – Estréia de As Tartarugas Ninja em Sydney)
 


(16 de Setembro – Projeto Social Stars 4 Smiles)
 


(4 de Outubro – Programa ‘Wetten, dass..?’ na Alemanha)
 


(5 de Outubro – Photocall As Tartarugas Ninja)
 


(5 de Outubro – Pré-estréia de As Tartarugas Ninja em Berlim)
 


(11 de Outubro – Aniversário de 60 Anos da Ferrari)
 


(26 de Outubro – Pré-estréia de As Tartarugas Ninja na China)
 


(26 de Outubro – Conferência de Imprensa As Tartarugas Ninja na China)
 


(5 de Dezembro – 6ª Noite Anual da Generosidade)
 

Se o ano de 2014 foi repleto de acontecimentos o que acontecerá em 2015? Por enquanto sabemos que terá as gravações de As Tartarugas Ninja 2 e a estreia de Zeroville. Continue acompanhando o nosso site e redes sociais para ficar por dentro de todas as notícias relacionadas a essa bela atriz.

 

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O Portal Megan Fox não possui nenhum tipo de contato com a Megan ou alguém próximo a ela, tampouco somos ela, somos apenas um fã site feito por fãs e para fãs a fim de informar e unir os fãs da atriz no Brasil. Todo o conteúdo postado aqui pertence a equipe do Portal Megan Fox, caso utilize pedimos que dê os devidos créditos à nós, fica proibida a cópia total ou parcial deste layout assim como, também deste site! Esperamos que tenham gostado da visita e voltem sempre!
error: Content is protected !!